Vou confessar que estava doooida para escrever esse post, porque:

1) Tenho muito o que falar sobre essa viagem;

2) Quero contar tudo o que pesquisei e não encontrei ou encontrei muito pouco; e

3) Umas 4 pessoas próximas já vieram me perguntar sobre o navio, o roteiro, etc… e eu já estava devendo esse post!

Então vamos lá!!!

Resolvemos fazer o cruzeiro pelo Caribe e descobrimos que o custo/benefício de um cruzeiro internacional é MUITO bom! Escolhemos a Royal Caribbean por sua boa reputação e escolhemos o Oasis of The Seas, por ser o maior navio de cruzeiros, junto com seu irmão (quase) gêmeo, o Allure of the Seas.

Fizemos TUDO diretamente pelo site da Royal Caribbean. É tudo muito fácil e explicadinho… não tem erro!

Nós escolhemos o cruzeiro de 7 noites, à bordo do Oasis of the Seas, saindo de Fort Lauderdale (fica a 30 minutos de Miami), fazendo o roteiro do Caribe Leste (Bahamas, St Thomas e St Maarten). Obs: O Oasis of the Seas e o Allure of the Seas ficam revezando o roteiro do Caribe Leste e do Caribe Oeste (Haiti, Jamaica e México), cada semana eles fazem um roteiro, enquanto um está no Leste, o outro está no Oeste.

A minha primeira dica é: Reserve uma cabine em andar alto e de preferência externa ou com varanda. Na nossa inocente inexperiência, compramos uma cabine externa no Deck 3, sem nem se atentar para isso. Como compramos muito em cima da hora, era o que tinha. Tivemos sérios problemas com um barulho que parecia vir da casa de máquinas, mas na verdade, até hoje não sabemos sua origem, mas ele estava lá, presente todos os 3 dias que ficamos neste deck, às 5h30 da manhã! Mas como nós insistimos nas reclamações, fizemos vídeos relatando o barulho e fomos até o fim reclamando, nos trocaram de cabine e o restante dos dias ficamos numa cabine com varanda, no 14º andar. Reclamem por seus direitos, SEMPRE!

OK! COMPREI O CRUZEIRO, E AGORA?

– Você tem duas opções de Jantar: o jantar com hora marcada, no qual você escolhe o horário no momento da compra; Ou o My Time Dining, que foi o que escolhemos,  e que você pode jantar em qualquer horário entre 18h30 e 21h, mediante reserva com 1 dia de antecedência. Para falar a verdade, não reservamos nenhum dia, mas não tivemos problemas. A recepcionista do restaurante, muito simpática, já sabia que íamos jantar mais ou menos no mesmo horário todos os dias e já nos aguardava com nossa mesa pronta! Ah, se você preferir, pode pedir para sentar numa mesa só para você e sua família, ou seu acompanhante. Caso não solicite, é comum que coloquem vocês numa mesa compartilhada com outras pessoas.

– O Oasis é um navio enooorme e conta com muitas atrações, entre elas, vários shows e como o navio tem capacidade para mais de 6 mil passageiros, sugiro que agendem as atrações com antecedência. Reservamos o musical “Cats”, o “Comedy Show”, o “Frozen in Time”, o “Oasis of Dreams” e o “Come Fly With Me”. De todos estes,  fomos apenas ao “Frozen in Time” que é legalzinho, mas nenhuma maravilha. Para crianças é ótimo, pois a história gira em torno dos contos de fada. E ao “Oasis of Dreams” que é tipo um Cirque du Soléil na água (guardadas as proporções, lógico). Esse é bem interessante pois acontece no Board Walk, na parte externa do navio, na parte de trás, onde tem uma piscina só para esse show. Muito legal. Nos outros shows não fomos por diversos motivos… ou porque preferimos ficar no bar de música ao vivo porque estava super animado, ou porque o show era muito cedo (no caso do Cats que era 14h) e queríamos ficar na piscina… e como algumas pessoas que conhecemos no navio nos falaram que não estaríamos perdendo nada demais, resolvemos “deixar para a próxima”.  Mas essa é a minha opinião… eu aconselho que agendem, sim, pois vocês podem achar interessante.

– Pacote de Bebidas… fazer ou não fazer, eis a questão! rsrs!!Existem 3 ou 4 pacotes de bebidas disponíveis: um mais básico que não tem bebidas alcoólicas incluídas, um outro que tem bebidas não alcoólicas + cervejas incluídas, um outro que tem bebidas não alcoólicas + cervejas + drinks + taça de vinhos restritos e um TOP que possui bebidas não alcoólicas + cervejas + drinks + todos os vinhos + cafés especiais.

Nós tentamos de tudo para comprar esse pacote de bebidas antes de embarcar, mas não conseguimos finalizar a compra através do site e nem através dos e-mails trocados com a Royal. No dia em que entramos no navio, fomos até o stand de bebidas para fechar um pacote para mim e outro para o Raul. Mas é aí que entra o pulo do gato!!! Fomos atendidos por uma brasileira que nos explicou o seguinte: não seria necessário comprarmos dois pacotes. Bastaria comprarmos 1 pacote e poderíamos pegar uma bebida de cada vez. Nós não imaginamos que isso fosse possível, mas se a própria funcionária do navio nos deu essa opção, é porque não estriamos fazendo nada “ilegal”. E assim fizemos. Porém, nos bares, eles não deixam você pegar duas bebidas ao mesmo tempo, tipo: uma cerveja e um coquetel. No nosso caso, o Raul pegava meu coquetel, me entregava e depois voltava para buscar uma cerveja para ele. Deu certo e economizamos pelo menos uns mil reais. Maaas, caso você não queira fazer nenhum pacote de bebidas, pode pagar apenas por cada bebida consumida. Cada vez que você for ao bar, o barman vai pegar seu cartão de bordo e passar o valor unitário da bebida que você está comprando. Sugiro que você faça as contas da média de bebidas (e quais) que pretende consumir por dia, faça as contas e veja se realmente vale a pena o pacote. Se não valer, não compre o pacote, pague o valor unitário!

– Vale a pena pagar os pacotes de passeios que a Royal Caribbean oferece? Então… no nosso caso, compramos apenas 1 pacote, em 1 das paradas, que valeu muito a penas sim. Nas outras duas paradas, fizemos tudo por conta própria e deu tudo certo. Vou me aprofundar nesse assunto nos próximos posts.

Vou ficando por aqui e nos próximos posts falarei mais sobre tudo que tem para fazer dentro do navio!

Bjs, Juh :*